macbook pro

 

A Apple anunciou na WWDC 2017 uma atualização para a sua linha de computadores portáteis MacBook.

A principal novidade é que os novos MacBook e MacBook Pro passam a contar com os processadores Intel Kaby Lake de sétima geração. O MacBook Air recebeu “processadores mais rápidos” com clock de 1.8 GHz, mas a Apple não entrou em detalhes. Imagino que não serão os chips Kaby Lake nesse caso.

O novo MacBook recebe um processador Intel Core i7 Kaby Lake a 1.3 GHz, com Turbo Boost que pode alcançar até 3.6 GHz. Recebe também um SSD que é 50% mais rápido que o SSD presente na geração anterior, além de suportar o dobro de memória. Externamente, a principal diferença é o novo teclado que estreou no MacBook Pro do ano passado.

 

 

Outra novidade é a incorporação de gráficos dedicados AMD, deixando o MacBook de 12 polegadas mais rápido que o modelo básico do MacBook Pro de 15 polegadas com gráficos Intel. O modelo também passa a receber o novo teclado do MacBook Pro e uma unidade SSD PCIe, que será 50% mais rápida que as atuais.

 

 

O MacBook e a nova configuração do MacBook Pro de 13 polegadas (sem Touch Bar) chegam ao mercado com um preço base de US$ 1.299. O novo MacBook Pro de 13 com Touch Bar (US$ 1.799) e o MacBook Pro 15 com Touch Bar (US$ 2.399) também chegam ao mercado hoje.

O modelo de 13 polegadas usa CPU de dois núcleos com uma GPU integrada (Iris Plus), com Intel Kaby Lake a 3.5 GHz (ou 4.0 GHz com Turbo Boost). Já o modelo de 15 polegadas inclui processadores com quatro núcleos e gráficos dedicados da AMD, trabalhando com processadores Intel Core i7 a 3.1 GHz (ou 4.1 GHz com Turbo Boost).