Ficar mexendo a pélvis de forma repetida para alguém não é a melhor forma de demonstrar afeto. Ou, pelo menos, não é uma forma socialmente aceitável. Mas os criadores da LikeBelt não pensaram muito nisso na hora de desenvolver esse produto.

O cinto prevê que você “curta” as coisas do mundo offline de forma indiscriminada, com a ajuda de sua pélvis. O cinto usa da tecnologia NFC para compartilhar a informação que você curtiu no mundo real (através de movimentos da sua pélvis, eu já disse isso, certo?), de forma que você possa indicar um estabelecimento comercial, como bares e restaurantes, ou quando encontrar um novo amigo na estrada da vida.

Você pode montar a sua própria versão da LikeBelt, clicando aqui. Mas antes, convido você a ver o vídeo abaixo, para você ter certeza se é isso que você realmente quer. Mas, se ainda assim, você quer seguir com o projeto, procure pela palavra “pudor” no dicionário.

Se tudo isso falhar, você está por sua conta e risco.


Via DVICE