lenovo

 

A Lenovo apresentou na CES 2017 o seu dispositivo de realidade virtual compatível com o Winodws Holographic, e tem uma ótima aparência.

No meio de 2016, a Microsoft anunciou a abertura do Windows Holographic, para criação de dispositivos de realidade virtual de todas as formas e tamanhos, além do próprio kit de desenvolvimento, que não custa um preço exorbitante.

O dispositivo da Lenovo possui resolução de até 1440 x 1440 pixels por olho, e taxa de atualização de 120 Hz. Valores melhores que o Oculus Rift e HTC Vive, mas o protótipo da empresa chinesa apresentado em Las Vegas não é funcional, o que não permite conhecer a real qualidade do dispositivo.

 

 

O dispositivo também será muito mais leve do que o Oculus Rift e HTC Vive, em um design mais próximo ao do PlayStation VR. A diferença será ampla, porque a Lenovo afirma que o seu produto vai pesar 350 gramas, contra 555 gramas do Vive.

O preço do dispositivo estará posicionado entre US$ 300 e US$ 400, ou um pouco mais. Fica claro que os dispositivos de realidade virtual/aumentada/fusionada terão um forte impulso em 2017, com tecnologias emergentes e a chegada de dispositivos melhores e mais baratos.

O modelo da Lenovo com Windows Holographic é o primeiro de outros que devem aparecer pelas mãos da HP, Dell, ASUS e Acer, que com certeza veremos ao longo de 2107, sempre depois do lançamento da versão final do Windows 10 Creators Update, onde esses dispositivos serão compatíveis.