Nem só de elegantes notebooks empresariais vive a Lenovo. Sua linha de produtos inclui a algum tempo outros dispositivos um pouco mais distantes de sua linha mais tradicional, entre os quais se destacam vários tablets, que agora se soma o várias vezes filtrado (e não por isso menos esperado) ThinkPad Tablet 2.

Este tablet vai cumprir um interessante papel na linha de produtos da empresa, uma vez que ele substitui o atual ThinkPad Tablet, que possui o sistema operacional Android. O novo tablet possui um anônimo processador Atom, que tem como missão principal executar a versão x86 do Windows 8, que será exibido em uma tela IPS de 10.1 polegadas (1366 x 768), presa em uma carcaça com espessura de 9,8 mm, e que abriga uma bateria com autonomia de até 10 horas de uso, além dos módulos opcionais para 3G e 4G, duas câmeras (frontal, de 2 megapixels, e traseira, de 8 megapixels), o tradiconal leitor de digitais, e até a sua própria caneta Stylus, escondida no corpo do próprio tablet, que pesa 600 gramas.

Um dos pontos mais interessantes do novo produto não pode ser visto. Falo do seu sistema de comunicação NFC, que permitirá o emparelhamento de forma rápida e simples, com uma base opcional de expansão, que permite o uso de um teclado físico, uma porta USB, saída HDMI  e um conector Ethernet.

Dito tudo isso, hora de falar do preço do produto. E é nessa parte que todos ficaram mudos, pois a Lenovo se silenciou em relação ao valor do ThinkPad Tablet 2. Isso mesmo, nenhuma informação foi passada sobre esse importante detalhe. Isso não chega a surpreender. Afinal de contas, ele só vai chegar ao mercado mesmo no final do mês de outubro, quando o Windows 8 for lançado. Ou seja, divulgar o preço agora pode ser algo prematuro. Quem sabe eles resolvam liberar o preço do tablet durante a IFA 2012…

Via Engadget