android-robots

O Kantar Worldpanel ComTech publicou os dados de vendas de smartphones do mês de junho, e as tendências são as mesmas do mês de maio: o Android segue dominante, com maior crescimento nos Estados Unidos. Porém, a tendência de queda do sistema na Europa também se repete.

A Espanha conta com uma das maiores fatias majoritárias do Android no Velho Continente, com 89,9% do mercado, ao lado do Reino Unido (52,2%), Alemanha (74,4%), França (66,7%) e Itália (70,7%). De fato, desses cinco países, apenas França e Espanha mostram crescimento em relação aos números de 2014, com aumentos de 3,2% e 2,1% respectivamente.

Nos demais mercados relevantes da Europa, tivemos uma queda do Android de 2,9% em relação ao ano passado. Com isso, iOS e Windows Phone gradualmente aumentam a sua participação, com aumentos de 2,4% e 1,5% respectivamente, sendo que na Alemanha se registrou os maiores aumentos.

A demanda pelo iPhone 6 está relacionada com esses resultados, já que passados alguns meses do seu lançamento ele se mantém forte nas vendas no Reino Unido, Alemanha, Itália e França. O número de compradores do Android vindo de um dispositivo iOS caiu em relação ao ano passado (5%, contra 11% do mesmo período em 2014).

Já nos Estados Unidos, a participação do Android aumentou em relação ao mês anterior (62,4%) e em relação ao mesmo período do ano passado (62,1%), ficando com 64,9% do mercado no país. O maior prejudicado foi o iOS, que caiu 2,4% em relação ao mês de maio de 2014. O Windows Phone cresceu discretos 0,6%.

Os bons números do Android nos EUA estão relacionados com o Samsung Galaxy S6, que entrou para a lista dos mais vendidos do país, atrás do iPhone 6 e do Samsung Galaxy S5. O último top de linha dos coreanos aumentou as suas vendas em relação ao período finalizado em abriu em 3%, deixando o fabricante com 55% das vendas dos dispositivos Android.

Na China, a Apple tem motivos para comemorar: o crescimento foi de 6% em relação ao ano anterior, ficando com 21.5% das vendas no país. O Android cresceu em relação ao mês de maio (2%), mas reduziu sua participação de mercado, saindo de 82,3% em 2014 para 76,8% nas vendas desse ano.

Outra coisa que denota o crescimento da Apple é o pódio dos modelos vendidos, que é liderado por eles, seguida pela Huawei e Xiaomi. Logo, conclui-se que os resultados para o Windows Phone não são muito bons, registrando uma queda de 0,1% em relação ao ano passado, e ficando com apenas 1% das vendas totais.