Jeff-Bezos-Amazon-Kindle-Fire

O mundo das vendas de produtos pela internet mudou radicalmente, graças ao modelo de negócios da Amazon, que é dirigida pelo seu fundador e CEO, Jeff Bezos. Agora, o excêntrico multimilionário será dono de um negócio totalmente diferente: o jornal Washington Post, um dos maiores dos Estados Unidos.

Para concretizar a operação, Bezos vai desembolsar a bagatela de US$ 250 milhões. Vale lembrar que quem está adquirindo o jornal não é a Amazon, mas sim, a pessoa física Jeff Bezos.

Outro detalhe bastante curioso é que Bezos vendeu na semana passada US$ 185 milhões de suas ações da Amazon. Mesmo que não fique 100% evidente se as transações estão relacionadas, é inegável não afirmar nesse caso que “onde há fumaça, há fogo”. Também é importante saber que um jornal do porte do Washington Post passa a estar nas mãos de uma pessoa que não tem medo em competir em diferentes segmentos de negócios ao mesmo tempo.

Também devemos lembrar que a Amazon, além de ser uma loja de produtos reais e palpáveis, que comercializa esses produtos pela internet, também se dedica a fabricar dispositivos (como os eReaders e tablets Kindle), distribuir vídeos por streaming, publicar livros digitais e até oferecer serviços de hospedagem para sites e sistemas de diferentes portes.

Ou seja, Bezos adquiriu mais uma importante peça de sua engrenagem, visando agregar valor aos seus negócios. Um baita investimento, que não pode ser ignorado.

Via Washington Post