Não faz um mês que nos deparamos com a notícia lamentável de que o estado de Israel havia proibido a entrada do recém estreado iPad da Apple em seu território. A razão da tal decisão era calcada na diferença do padrão WiFi dos Estados Unidos com o padrão israelense. Mas, felizmente, o Ministro das Comunicações levantou o veto que, até agora, detinham mais de 20 unidades ficaram apreendidas nos diferentes aeroportos do país. Segundo o governo, já não existe risco algum e os visitantes podem levar consigo seu iPad se assim desejarem. Mas, de forma incompreensível, a entrada de iPads em Israel está limitada a uma unidade por pessoa. Vai entender…

Fonte