iphone

 

O iPhone do décimo aniversário só chega em setembro (a confirmar), mas vários designers compartilham suas ideias e pensamentos sobre como eles gostariam que fosse o futuro smartphone.

Gabor Balogh é um artista digital que concebeu um iPhone com uma tela que ocupa praticamente toda a área frontal, em um resultado espetacular e indo um passo além do que o LG G6 e o Galaxy S8 fizeram nesse aspecto.

No seu conceito, a Siri poderia incorporar a capacidade de ver e não apenas escutar os comandos, aprendendo com o mundo ao nosso redor e oferecer informações em realidade aumentada.

Obviamente, tudo aqui é um conceito, mais um desejo do autor. Se bem que a Apple poderia sim apresentar um iPhone que superasse todas as expectativas, relembrando os tempos que esperávamos pelo inesperado, como o primeiro iPhone com retina display.

 

 

De qualquer forma, se o novo iPhone for parecido com esse, é fácil imaginar que ele seria um sucesso. Mesmo que custasse uma verdadeira fortuna.