iphone-se-topo

O iPhone Se foi apresentado. Uma nova aventura da Apple no mundo dos smartphones top de linha, indo na contra-mão da tendência atual do mercado, apostando em uma tela de 4 polegadas, tamanho hoje que muitos consideram pequeno, mas que deixa a Apple sozinha nesse segmento.

A gigante de Cupertino tem uma enorme base de usuários com smartphones de quatro polegadas, de modo que esse lançamento tem muito sentido, já que permite a esse grupo manter o formato sem renunciar aos recursos e novidades de hardware.

Porém, alguns detalhes técnicos do smartphone precisam ser enfatizados, para que se tenha uma ideia mais clara do que podemos realmente esperar desse produto.

 

Ele é “quase um iPhone 6s” no corpo de um iPhone 5s

iphone-se

Seu acabamento é baseado em alumínio, sendo uma cópia do iPhone 5s em design, mas no seu interior temos um iPhone 6s, exceto em alguns detalhes menores.

O processador A9 está confirmado, o mesmo utilizado pelo atual top de linha da Apple, com uma CPU de dois núcleos a 1.84 GHz e uma GPU PowerVR 7XT. Também está confirmado os 2 GB de RAM. Sua resolução de tela é de 1.136 x 640 pixels, inferior a do iPhone 6s, mas oferecendo mais que suficiente na densidade de pixels por polegada.

Em compensação, a câmera traseira de 12 MP parece ser a mesma do iPhone 6s em todos os sentidos, mas a câmera frontal é de apenas 1.2 MP, com uma menor absorção de luz que a do iPhone 5s, algo que a Apple teria resolvido com o uso da tela como uma espécie de flash, aumentando temporariamente o brilho na hora das selfies.

Em outros dispositivos, sabemos que essa solução não é algo tão efetivo e eficiente. Veremos em breve se a Apple conseguiu fazer um trabalho melhor nesse aspecto.

 

Outras coisas que você deve levar em consideração

iphone-se-oficial-04

O iPhone SE vem com o co-processador M9, mas o smartphone não possui barômetro e não tem a interface 3D Touch, presente no iPhone 6s. Os dois elementos não devem ser considerados uma diferença importante, mas devemos levar em conta que o novo smartphone de quatro polegadas da Apple possui o Touch ID de primeira geração, o mesmo do iPhone 6.

Como vemos, as diferenças são pequenas, e podemos dizer de um modo geral que a Apple fez um grande trabalho com o iPhone SE. O problema será o preço que ele valerá no Brasil.