iphone-se

Em evento realizado hoje (21) nos EUA, a Apple apresentou o muito especulado iPhone SE, com tela de 4 polegadas. O modelo pode se consolidar como uma segunda linha de smartphones da empresa.

O iPhone SE se apresenta como um smartphone com as mesmas especificações do modelo atual, mas com o menor preço sugerido para um iPhone em sua história: a partir de US$ 399 para o modelo com 16 GB (US$ 499 para a versão com 64 GB). É um modelo “de entrada” com iOS 9.3 e as quatro polegadas que muitos usuários consideram ideais para o seu uso diário.

Até então, o iPhone mais barato que poderia ser encontrado era o iPhone 5s de 16 GB, lançado em setembro de 2013. O novo iPhone SE ficará na mesma margem de preço desse modelo mais barato, mas com mudanças no design e um hardware atualizado. Um acerto da Apple, corrigindo o erro cometido com o iPhone 5c, que tinha as mesmas configurações do iPhone 5 (lançado um ano antes), mas com um acabamento inferior.

iphone-se-oficial-01

O iPhone SE conta com o processador A9 (2×2 GHz e 64 bits) e o co-processador M9 para questões de quantificação. Aqui está garantida a fluidez completa do iOS no iPhone SE, as funções como Live Photos e o Siri com acionamento por voz. Além disso, o chip NFC está confirmado no novo modelo, para aproveitar dos benefícios do Apple Pay.

Os demais elementos de hardware são os mesmos encontrados hoje no iPhone 6s: LTE, Bluetooth 4.2 e WiFi ac. Com opções de 16 GB e 64 GB de armazenamento (não expansíveis), a principal diferença física entre o iPhone Se e o iPhone 5C é justamente os materiais, onde sai o plástico do modelo anterior, e entra os materiais mais nobres, presentes nos modelos top de linha.

iphone-se-oficial-02

O design do iPhone SE é, essencialmente, o do iPhone 5s, com uma carcaça unibody metálica, mas com detalhes que mostram uma evolução do modelo mais novo. O mais chamativo é a borda, que foi suavizada para melhorar o agarre, além do seu acabamento ser o mesmo que a do resto do corpo anodizado do smartphone.

Por ter quatro polegadas, é um modelo aparentemente mais cômodo nas mãos e perfeitamente manejável com uma das mãos, com identificação rápida no TouchID e um rápido deslizar no painel de notificações, sem movimentos exagerados por parte da mão.

 

A Apple fica “sozinha” no segmento de 4 polegadas

iphone-se-oficial-04

Além do preço, o tamanho de tela escolhido pela Apple para o iPhone SE é o seu sinal mais característico. A empresa abandona a tendência de crescimento para disputar mercado no segmento de linha média premium, com uma tela de 4 polegadas IPS (1136 x 640 pixels, 326 ppp), que hoje não tem concorrentes.

A qualidade dessa tela está garantida por conta do histórico da Apple nesse sentido, mas para o mercado que eles pretendem competir, essa resolução está abaixo do que temos hoje entre os concorrentes. É difícil encontrar no setor um smartphone com tela tão pequena. Vale lembrar que o iPhone Se não possui o 3D Touch, e esse pode ser um dos motivos dele ser um iPhone mais barato.

iphone-se-oficial-03

Sobre as câmeras, a traseira fica com 12 MP de resolução, com as melhorias de suas ferramentas, como a Focus Pixel. Também é possível utilizar a tela do iPhone como um flash, trabalhando em conjunto com o sensor frontal, para as selfies em locais com baixa luminosidade.

O novo iPhoen SE chega ao mercado no dia 31 de março nos principais mercados globais (Alemanha, Austrália, Canadá, China, França, Hong Kong, Ilhas Virgens dos EUA, Japão, Nova Zelândia, Porto Rico, Reino Unido, Cingapura e Estados Unidos) e para o mês de maio para o restante do planeta. Preços: US$ 399 para o modelo de 16 GB, e US$ 499 para o modelo de 64 GB. As cores são as mesmas disponíveis hoje para o iPhone 6s: cinza espacial, prata, ouro e ouro rosa.