iphone-7

2016 não é o ano dos sonhos da Apple. Quedas nas vendas de iPhones, multa de 13 bilhões de euros por parte da União Europeia, entre outros obstáculos. Sem falar na concorrência cada vez mais pesada.

Os novos iPhone 7 e iPhone 7 Plus contam com a difícil missão de seduzir novamente os usuários. E a Apple apostou alto nos novos componentes desses smartphones.

O design jet black chama a atenção, mas este é apenas um fator. Será que os novos modelos são suficientes para convencer os usuários a trocarem de iPhone nesse momento?

 

Vimos antes, mas temos melhoras

 

iphone-7-plus-camera

 

As principais mudanças ou novidades vieram por três vias: resistência, áudio ou câmera.

Nos dois primeiros casos não há inovações, mas chamam a atenção positivamente. Contar com uma proteção IP67 é sempre algo que pode somar, e na parte de áudio, a eliminação do conector de 3.5 mm em favor da porta Lightning pode implicar uma vantagem ou desvantagem.

Afinal, o incômodo de ter que usar um adaptador para conectar os fones tradicionais acaba compensado pela praticidade do iPhone ter alto-falantes estéreo, o que é uma melhoria direta no dispositivo.

Por fim, a melhoria mais importante (muito acima do novo processador A10 Fusion) está nas câmeras.

De cara, a estabilização ótica está disponível nas duas versões, além de um sensor frontal de 7 MP.

Já o iPhone 7 Plus recebe uma câmera dupla de 12 MP, onde a Apple oferece um zoom ótico de 2X na segunda lente, que pode chegar a 10X com o zoom digital.

Mais armazenamento e preços parecidos

 

iphone-7-final-07

 

O iPhone 7 e o iPhone 7 Plus tem acertos e erros.

Uma coisa que a Apple parece ter acertado é nas capacidades de armazenamento dos novos dispositivos.

Partir de 32 GB é uma quantidade suficiente, e esquecer dos 64 GB para contar com versões de 128 GB e 256 GB também parece ser um acerto. Quem reclamava dos 16 GB teve seu problema resolvido, enquanto que os mais exigentes podem ter no seu bolso um mini disco rígido.

Os preços (lá fora) são semelhantes, podendo variar de mercado para mercado, e com capacidade de armazenamento consideravelmente maior.

 

iPhone 7 e iPhone 7 Plus: suficientes para mudar?

Quem tem as versões antigas dos iPhones podem ter motivos para mudar para um dos novos modelos.

Não pelo design, mas por conta das novas câmeras ou das novas opções de armazenamento.

Os fiéis seguidores da Apple se verão tentados à troca. Por outro lado, quem estava longe da empresa pelo escasso armazenamento da versão básica poderão se aproximar.

As demais marcas estão trabalhando pesado nos seus produtos, e essa concorrência será dura para a Apple.

Mas é fato que o iPhone 7 será o modelo mais vendido nos seus primeiros dias de mercado, também pela lista maior de países que o produto vai chegar.

A inovação pode ter sido pouca em vários aspectos, mas o fator Apple deve prevalecer.