iphoe5-tsunami

Em uma nova tentativa da Apple em demonstrar o quanto a Samsung era obcecada preocupada por seus produtos, eles revelaram uma conversa privada ocorrida em 2012, onde o tema central era o iPhone 5. O autor das declarações foi Dale Sohn, então CEO da divisão norte-americana da Samsung Telecomunicações, que informou em um e-mail que “aconteceria um tsunami quando o iPhone 5 fosse lançado, entre os meses de setembro e outubro” (daquele ano).

Sohn chega a comentar inclusive que, de acordo com JK Shin, CEO da Samsung, era necessário estabelecer um plano de defesa para “neutralizar este tsunami”.

O e-mail apareceu durante o testemunho de Todd Pendleton, diretor de marketing da Samsung Telecomunicações América, um dos principais acusados pela Apple de infringir cinco de suas patentes. A Samsung o utilizou para falar de sua campanha de marketing “The Next Big Thing”, que segundo os coreanos, impulsionou a venda dos seus smartphones, fazendo com que a Apple também trocasse e-mails e documentos similares, manifestando sua preocupação com a concorrência.

E o assunto não acaba aqui. A Apple também apresentou outro documento que revela e-mails trocados entre Sohn e Pendleton, do dia 4 de outubro de 2011 (dia de lançamento do iPhone 4S), onde o primeiro propõe que a empresa peça ajuda para a Google no desenvolvimento de uma campanha indireta contra a Apple, ressaltando os dispositivos da Samsung como os melhores produtos Android disponíveis no mercado.

Porém, na hora de testemunhar, o ex-CEO também informou que grande parte do sucesso da família Galaxy se deve aos esforços de marketing da empresa, chefiados por Pendleton.

O novo julgamento em San José, Califórnia (EUA) já dura duas semanas, e deve ser concluído na semana que vem (se imprevistos não acontecerem), apesar da Samsung ainda ter testemunhas para apresentar. E isso significa que teremos reviravoltas e algumas situações bombásticas e constrangedoras para compartilhar com vocês nos próximos dias.

Via The Verge