iphone-2g

Ontem (29), completou oito anos do lançamento do primeiro smartphone da Apple, o iPhone 2G, um dispositivo que foi a base daquilo que desataria febre pelos telefones com o logo da maçã mordida, que acabou por colocar a gigante de Cupertino como uma das empresas mais importantes do setor.

O iPhone é um produto vital para a Apple. Tanto, que posso dizer sem medo de errar que a empresa não teria conseguido elevar tanto o seu valor de mercado se não fosse por esse dispositivo. E isso não é uma ideia minha: isso pode ser visto claramente nos lucros que cada tipo de hardware da empresa representa.

A imagem que encabeça esse post mostra um smartphone com um design muito bonito, onde a tela era a protagonista, e o teclado touch oferecia uma boa experiência de uso. Nas especificações, o iPhone 2G era um smartphone potente para a sua época (2007).

O iPhone 2G contava com uma tela de 3.5 polegadas (320 x 480 pixels), chip ARM 11 com CPU a 412 MHz e GPU PowerVR MBX, 128 MB de RAM, 4/8/16 GB de armazenamento, conectividade WiFi e câmera traseira de 2 megapixels.

Esse modelo marcou o início de uma verdadeira revolução no mundo dos smartphones. Hoje, o iPhone possui um papel muito importante no mercado, com o merecido reconhecimento dentro do seu segmento.

Via Cult of Mac