Bem antes do que o esperado. É assim que podemos definir o intervalo de lançamento do iOS 6.1.1, que chegou ao mundo para corrigir as falhas críticas detectadas pelos usuários do iPhone 4S.

A Apple adicionou um .1 ao iOS 6.1, e é uma atualização específica para esta versão do iPhone (4S), ou seja, os demais dispositivos da Apple não vão receber essa atualização. Segundo indica a tabela informativa do update, o iOS 6.1.1 visa solucionar problemas relacionados com o “desempenho e confiabilidade” do iPhone 4S ao trabalhar com redes de telefonia móvel, o que confirma o caráter de atualização específica.

Nos últimos dias, diversos usuários ao redor do planeta reclamaram que após a atualização para o iOS 6.1, os smartphones passaram a ter problemas com as redes Wi-Fi, elevado consumo de bateria, e que o 3G passou a ficar inoperante ou completamente sem rede no iPhone 4S. Algumas operadoras europeias (principalmente a Vodafone) publicaram comunicados recomendando aos seus clientes para que tivessem precaução ao atualizar os seus iPhones, chegando ao ponto de não atualizarem os dispositivos para a nova versão até que uma solução fosse ofertada pela Apple.

Por enquanto, não há nenhuma menção sobre possíveis otimizações na autonomia dos dispositivos atualizados com o iOS 6.1, nem mesmo qualquer melhoria detectada no Apple Maps, outro ponto de polêmica entre os usuários do iOS. Essas mudanças mais drásticas só devem chegar com a versão 6.2 do sistema operacional móvel da Apple.

Fato é que o iOS 6.1 já entra na lista de uma das atualizações mais “traumáticas” do sistema operacional em sua história, e vale a recomendação: se você está com o seu iPhone em boas condições com o iOS 5 ou iOS 6.1 e não quer arriscar, é melhor a prudência nesse caso. Para muitos, a atualização está se transformando em uma grande dor de cabeça.

Via Engadget