galaxy-s5-brasil-02

Ontem (29), foram apresentados os dados da Strategy Analytics. Hoje, são os dados da IDC, que revela o cenário atual do mundo mobile. E os números são parecidos, comprovando o domínio da Samsung na indústria.

A Apple segue na segunda posição do ranking, dominando nas vendas nos Estados Unidos e no Japão, mas muito atrás nos números globais em relação aos coreanos. Para você ter uma ideia do tamanho dessa vantagem, se somarmos as vendas da Apple, Huawei, Lenovo e LG, chegamos ao número parecido que a Samsung alcançou com as vendas dos seus smartphones.

De acordo com a IDC, foram vendidos 281.5 milhões de smartphones no primeiro trimestre de 2014, um aumento de 28.6% em relação aos números obtidos no mesmo período de 2013. Esse volume é 2.8% menor que no trimestre anterior, que contou com o incentivo das vendas natalinas.

Sobre a diferença de vendas entre smartphones e celulares, o primeiro grupo representa hoje 62.7% da cota de mercado global, com um aumento de 50.7% em relação ao ano anterior.

650_1000_idc_q1_2014_smartphones

Coincidindo com os dados da Strategy Analytics, Samsung e Apple perderam cota de mercado, beneficiando alguns de seus adversários. A Samsung ainda pode recuperar o terreno perdido com a ajuda do Galaxy S5, uma vez que os números ainda são muito condicionados aos lançamentos importantes.

Huawei e Lenovo subiram no top 5

As chinesas Huawei e Lenovo são as que mais cresceram. A terceira posição do ranking segue inalterada, mas uma vez que o estudo comece a contabilizar as vendas de smartphones da Motorola a favor da Lenovo, a tendência é que a terceira posição sofra alterações.

Também é preciso levar em conta que a Lenovo deve começar a vender fora da China, nos principais mercados ocidentais, mas a tendência é que a Motorola assuma essa missão, uma vez que a empresa já conta com um nome consolidado. No caso da Huawei, eles projetam vendas globais de 80 milhões de smartphones em 2014. E essa promete ser uma briga muito interessante.

A LG segue como quinto fabricante, com 12.3 milhões de unidades vendidas. Próximo deles – no grupo “outros” -, temos vários fabricantes chineses, como Coolpad, Xiaomi ou ZTE, além de alguns nomes internacionais, como Sony e Nokia.

Os smartphones estão se canibalizando

A IDC estima que as vendas totais de smartphones para o ano de 2014 vai chegar ao número de 1.2 bilhão de unidades, um aumento de 19.3% em relação ao ano passado. O crescimento se freia de forma significativa, se comparado aos 39.2% registrados em 2012, mas isso acontece por conta do processo de saturação do mercado como um todo.

Levando em consideração todo e qualquer tipo de telefone móvel (smartphones, celulares, etc), a tabela abaixo mostra a Nokia como segunda colocada, com a Samsung se mantendo líder, com o dobro dos números dos finlandeses. Além disso, é possível observar claramente como é evidente a queda das vendas dos celulares entre as marcas mais importantes.

2-3

Via IDC