tablets - IDC: mercado brasileiro de tablets registra nova queda no terceiro trimestre de 2017

A última análise da IDC Brasil, analisando o terceiro trimestre de 2017 mostra que o mercado de tablets continua a cair em suas vendas, confirmando a tendência dos últimos trimestres, onde o consumidor cada vez mais deixa de lado esse formato de dispositivo móvel.

As vendas dos tablets caíram 3% no Brasil durante o terceiro trimestre de 2017, em comparação com o mesmo período de 2016. Foram vendidas 1.02 milhão de unidades, contra 1.05 milhão em 2016, com receita toal de R$ 485 milhões, 6% a menos do que no terceiro trimestre de 2016.

Na comparação com o segundo trimestre de 2017, o crescimento foi de 30%, com receita total em alta de 33%. O principal motivo para esse aumento foi as compras antecipadas para o Dia das Crianças. A retração foi menor do que aquela apresentada no mesmo período dos últimos dois anos.

O Dia das Crianças também influenciou no valor médio do produto, que passou de R$ 488 em 2016 para R$ 472 em 2017 (queda de 3%).

A previsão da IDC para o quarto trimestre de 2017 é a comercialização de 1.18 milhão de tablets, com números de vendas próximos aos de 2016 (5% a menos).