HTC U11

A HTC apresentou oficialmente o seu novo smartphone top de linha, o HTC U11+. O modelo chega para tentar um lugar ao sol nas vendas de final de ano.

O modelo conta com uma tela SuperLCD de 6 polegadas (2880 x 1440 pixels, 18:9, QuadHD+), protegida com Gorilla Glass 5. No seu interior, possui um processador Qualcomm Snapdragon 835, trabalhando com as variantes de 4 GB/64 GB e 6 GB/128 GB (ambas expansíveis via microSD).

 

 

Sua bateria conta com generosos 3.939 mAh, o que deve garantir pelo menos um dia de uso intenso sem problemas. A HTC afirma que essa bateria oferece até 30% a mais de uso do que os demais modelos de sua categoria.

O HTC U11+ conta com a Edge Launcher, que oferece acesso às notificações e apps com apenas uma das mãos, além da Edge Sense, onde você aperta o dispositivo para acesso aos recurso mais úteis. Aperte nas bordas do dispositivo para iniciar a câmera, ou executar o assistente de voz, ou abrir o aplicativo que você quiser.

 

 

Nas câmeras o dispositivo conta com um sensor traseiro de 12 MP (f/1.7) com estabilização ótica. A HTC afirma que esse sensor é melhor do que a do HTC U11, que foi eleita a melhor câmera já avaliada pelo DxOMark. A câmera frontal de 8 MP conta com o mesmo HDR Boost e a mesma tecnologia de redução de ruído que a câmera principal.

O som HTC BoomSound oferece um volume até 30% mais alto, e o kit de venda do produto recebe os fones de ouvido HTC USonic com cancelamento ativo de ruído.

 

 

O design do HTC U11+ recebe proteção IP68, além de uma superfície “líquida” que reflete a luz de forma original, recebendo uma opção com traseira translúcida.

O HTC U11+ chega ao mercado da Europa em 20 de novembro. Seu preço sugerido é de 799 euros.