Sabemos que ler na mesma frase as palavras “robô” e “inseto” indica que vamos ver um bicho não muito agradável. Logo, um grupo de estudantes da universidade alemã de Bielfeld conseguiram criar um inseto de 6 patas, que até parece simpático, mas é bem estranho. O HECTOR tem 18 juntas no total, e é construído em torno de um exoesqueleto fabricado em fibra de carbono, reforçado com plástico. Seus movimentos são realizados por uma série de algoritmos, e ele pode transportar até 30 kg de peso (o robô pesa 12 kg). Abaixo, temos um vídeo que tenta demonstrar o projeto (uma vez que tem muito falatório e pouco movimento).



via Gizmag