O Greenpeace voltou a publicar o seu Guia de Produtos Eletrônicos Verdes, que está na sua 15a edição, onde vemos que várias empresas baixaram sua pontuação em relação ao ano anterior. A Nintendo, que durante anos foi eleita a empresa menos ecológica do mercado, repete o “feito”, com uma pontuação de 1.8. A Lenovo baixou sua pontuação para um nível próximo a da Nintendo, com 1.9, seguida pela Microsoft, com 3.3.

Na parte positiva da tabela, vemos a Nokia e a Sony Ericsson, que conseguiram pontuações de 7.5 e 6.9 respectivamente. Infelizmente, não temos nenhuma empresa de eletrônicos de consumo que consiga chegar aos 8 pontos, o que nos dá uma ideia de como está o panorama da ecologia nas grandes multinacionais que falamos todos os dias aqui no blog. Isso na visão do Greenpeace, evidentemente.

Fonte