O Google lançou nessa semana o seu serviço de aluguel de notebooks Chromebook, pelo valor de US$ 30/mês. O valor pode parecer um pouco caro para alguns usuários norte-americanos (e para muitos brasileiros também; afinal, é a parcela de um notebook básico, com sistema Windows). Porém, para os usuários corporativos, esse valor é uma pechincha, e pode representar uma bela economia.

Seja para um aluguel anual (US$ 360/ano) ou para um aluguel avulso, para os executivos, esse pode ser um ótimo negócio. Além disso, para aqueles usuários que decidirem renovar o aluguel do notebook, o valor mensal do segundo ano do notebook cai para US$ 25/mês, e se você permanecer alugando o portátil pelo terceiro ano, o aluguel sai por US$ 20/mês.

Outra vantagem para quem está pensando em alugar os notebooks do Google é que ele não possui nenhum tipo de contrato de fidelidade. O contrato é renovado mensalmente, então se você quiser utilizar a máquina apenas por um mês (ou número específico de meses), basta simplesmente não renovar o contrato de serviço, e o assunto está encerrado. Sem burocracias ou complicações.

O serviço de aluguel de notebooks não impede o Google de vender os Chromebooks, que tem preço sugerido de US$ 599. E esse sim, é um preço considerado elevado, pelas possibilidades oferecidas pelo equipamento, e comparado aos demais produtos existentes no mercado, com a mesma faixa de preço.

Via Ubergizmo