google-patente

Nossos olhos parecem ser um dos centros de atenção mais importantes para as divisões de pesquisa e desenvolvimento das tecnologias. Nos últimos meses, vimos como Samsung patenteava lentes com câmera integrada, e como a Google desenvolve lentes para diabéticos.

Agora, sabemos que a Google registrou uma nova patente, com um sistema onde seria possível “injetar” um dispositivo em nosso olho para melhorar a sua visão. É algo meio futurista, meio Matrix com Minority Report, mas pode ser algo bem legal no futuro.

Na patente registrada, vemos como o dispositivo em questão estaria dentro de um fluído que seria injetado no olho para depois solidificar-se e acoplar-se no globo ocular. Nesse dispositivo, se integrariam componentes de armazenamento, sensores, componentes de transmissão de rádio, bateria e, como não, uma objetiva fotográfica.

A alimentação de energia seria feita através da captação de ondas sem fio, e na patente também há um dispositivo externo que interage com esse “computador ocular”, se comunicando através de ondas de rádio. Seria este dispositivo externo que aportaria a capacidade de processo necessário.

Não dá para prever quando essa tecnologia vai chegar ao mercado, se é que algum dia será lançada. Vale lembrar que registros de patentes servem também para as gigantes do setor se protejam no futuro, em caso de alguma ideia similar aparecer. Mas ter um computador como esse poderia ser bem interessante para muita gente, principalmente se em algum momento vier a ajudar a mudar a vida dos deficientes visuais.

Já eu sinto angústia só em pensar em tem um computador injetado no meu olho.

Via Forbes