A decisão da última sexta-feira, que deu ganho de causa para a Apple contra a Samsung na “guerra de patentes” nos Estados Unidos ainda deixa as suas repercussões. Como sabe que, indiretamente, está envolvida nessa disputa, a Google decidiu se pronunciar a respeito, em forma de um comunicado oficial.

A gigante do mundo das buscas online (e dos e-mails, e dos softwares de escritório online, e de tantas outras coisas…) deixou bem claro que, ainda que a Samsung tenha perdido a batalha nos tribunais, o veredito não afeta diretamente o seu sistema operacional, o Android. “A corte de apelações revisará tanto as infrações como a validez de tais patentes. A maioria não está relacionada com o núcleo do SO Android”.

Diante de tais otimistas declarações, parece que a própria Google reconhece implicitamente que, se a Samsung não conseguir reverter o resultado do tribunal da Califórnia, será a “inovação” (ou a falta dela) que pode fazer com que a empresa sul-coreana pague o pato. Leia:

“A indústria mobile avança muito depressa, e todos os seus participantes – incluindo aqueles que acabam de chegar ao mercado – constroem sobre ideias que estão presentes no mercado a décadas. Da nossa parte, trabalhamos com nossos parceiros para oferecer produtos inovadores e acessíveis aos consumidores, e não queremos que nada nos limite.”

Como já era de se imaginar, a Samsung não demorou nada para manifestar o desejo da apelação sobre a decisão tomada pelo tribunal (o memorando publicado pela CNET corrobora para isso), de modo que parece que não vai demorar muito para que os canhões das duas empresas voltem a ficar enfileirados.

Via AllThingsD e CNET