Patente-Google

A Google registrou uma patente de uma espécie de capa adesiva que é aplicada na parte frontal do carro. Seu objetivo é manter a pessoa presa em caso de colisão.

A Google aposta forte nos carros autônomos, assim como em reduzir os acidentes no trânsito a partir desses veículos, que tem como meta importante salvar vidas. Para isso, a empresa de Mountain View ataca em várias frentes, não apenas nos veículos, mas na tecnologia que os mesmos podem agregar, como ideias complementares.

A ideia faz muito sentido. Quando um atropelamento acontece, o impacto inicial pode causar um elevado dano ao atropelado (obviamente), mas em muitos casos é o segundo atropelamento produzido quando a pessoa cai ao solo, ficando na mesma trajetória do carro, que pode atropelar a pessoa de novo.

A patente quer acabar com o segundo atropelamento com essa capa adesiva, além de buscar reduzir o dano do primeiro impacto, utilizando um revestimento que iria sobre esse adesivo, que se romperia com facilidade ao receber um golpe.

Não é uma má ideia, mas que precisa ser analisada a fundo. Como acontece com toda patente, esta é apenas uma ideia, que pode chegar ou não ao mercado. No mínimo a Google já protegeu o conceito, garantindo seus direitos no futuro.

Via MercuryNews