google-play-music

O Google anunciou que o seu serviço de música por streaming, o Play Music, vai oferecer o modo de rádio gratuito, que será financiado mediante publicidade. Essa é uma resposta ao lançamento do Apple Music.

A notícia vem acompanhada de uma limitação crucial: apenas os usuários norte-americanos podem aproveitar dessa novidade. Não foi informado sobre quando esse benefício será ofertado para os demais mercados globais.

O Google Play Music estreou em 2012 como uma loja de músicas que permitia ao usuário o armazenamento de até 50 mil canções em sua biblioteca pessoal. Em 2013, foi adicionado o serviço de streaming pago, com custo de US$ 9.99/mês. O mais interessante dessa decisão é que o usuário poderá enviar as suas próprias músicas e escutá-las por streaming, totalmente de graça, no PC ou no dispositivo móvel. E esse é um grande diferencial em relação aos demais serviços de streaming do mercado.

Se você se cansar da sua biblioteca, você pode enviar mais músicas ou criar/buscar uma nova rádio. Tudo bem, a solução do Google sofre do mesmo problema do Spotify, que é intercalar as músicas com publicidade. Mesmo assim…

Vamos ver o que Taylor Swift vai achar disso. O seu álbum ‘1989’ ainda está na loja do Google, e o YouTube tem várias de suas faixas disponíveis de forma gratuita para todos (aqueles que querem ouvir suas músicas, é claro).

Via Google