google-glass

O Google Glass começa a abrir espaço em segmentos até então inesperados de uso, indo muito além de ser um óculos onde as pessoas vão ficar olhando para qualquer coisa na rua. Um desses usos pode ser voltado para auxiliar os deficientes visuais, permitindo até que pessoas cegas “vejam” o que está ao seu redor. Ok, não seria a imagem exata de tudo, mas sim referências que podem ser captadas e transmitidas ao usuário pelo som.

O sistema que permite que isso seja possível é, na verdade, algo que já é utilizado hoje, através de um aplicativo chamado vOICe, que está disponível para o Android. Esse aplicativo usa a imagem capturada pela a câmera do smartphone e a converte em som. Deste modo, a câmera “escuta” o mundo externo, e o software processa a imagem, convertendo a mesma em um som compreensível. O uso de fones de ouvido é obrigatório para que tudo funcione, e ainda que precise de algumas adaptações, para um propósito de uso com o Google Glass, ele pode servir.

Outro fator importante é a comodidade oferecida. Enquanto que o fato de ter um smartphone na mão não é algo muito confortável, com o Google Glass dispensa o uso do smartphone, e o usuário pode manejar com os menus e outros recursos sem nenhum tipo de dispositivo complementar nas mãos.

O grande inconveniente que existe no momento é que o aplicativo posiciona os usuários através do som em 3D, e não se sabe se o Google Glass suportaria tal característica. Por enquanto, sabemos que o Google Glass transmite o som através de uma tecnologia que transmite esse áudio diretamente para o osso, dispensando assim o uso do fone de ouvido. Ou seja, vamos ter que esperar para ver se o software é capaz de funcionar dessa forma.

De qualquer forma, muitos vão agradecer se o recurso for adaptado para a proposta do Google Glass. Abaixo, vídeo do vOICe em funcionamento.

 

 

Via Gizmologia