top-100-marcas-globais

A Google destronou a Apple como “marca mais valiosa do mundo”, na lista BrandZ, publicada anualmente pela empresa de análise Millward Brown.

A Google aumentou em 32% ou seu valor de mercado desde 2015, enquanto que a Apple retrocedeu em 8%. Uma mostra da tendência de queda (nas receitas e inovação) da empresa de Cupertino, ao contrário da empresa de Mountain View, que segue aumentando suas receitas nas suas principais divisões, além de abrir outras linhas de negócio em diversos segmentos.

“A inovação continua, o aumento das receitas vindas da publicidade e o crescimento do negócio na nuvem contribuíram para que a Google substitua a Apple na liderança”, revela a consultora na apresentação do ranking. Para elaborar a lista, a Millward Brown levou em consideração o valor econômico, resultados financeiros, previsões futuras e a opinião e fidelidade dos clientes. Ou seja, não é uma lista puramente matemática, avaliando o valor de mercado (onde a Apple domina), mas sim um ranking de prestígio.

O setor de tecnologia domina o ranking. Além da Google e da Apple, outras seis empresas estão no Top 10 (Microsoft, AT&T, Facebook, Amazon, Verizon e IBM), e no Top 100 há outras várias empresas. Entre as 10 primeiras, apenas o McDonald’s não está ligada ao setor tecnológico.

BrandZ_2

De acordo com a Millward Brown, “as marcas que mais crescem, independentemente do setor a que pertençam, são as que apresentam desafios e adotam modelos e mentalidades revolucionárias. A palavra chave é inovação, mas transformando a forma com a qual oferece um serviço, melhorando a experiência do consumidor ou mudando o formato”, explica a consultora.

Confira a lista completa das marcas mais valiosas segundo a BrandZ nesse link.