qualcomm-snapdragon

Segundo informa o Bloomberg, a Samsung decidiu não utilizar o SoC Qualcomm Snapdragon 810, depois de comprovar que o mesmo esquentava muito nos testes realizados.

Dito isso, tudo indica que o novo smartphone top de linha dos coreanos chegará ao mercado com a versão única de SoC Exynos, da própria Samsung, que na última versão já integrou um modem LTE.

É preciso saber se essa manobra da Samsung será bem sucedida, levando em conta que o novo LG G Flex 2 conta com um chip da Qualcomm no seu interior, e que o futuro HTC One M9 fará o mesmo. A Samsung pode se deparar com uma grande vitória diante dos concorrentes, ou uma grande derrota que pode custar muito caro para o já comprometido segmento mobile, depois de um Galaxy S5 não tão bem sucedido.

Via Bloomberg