A Samsung veio com tudo com o Galaxy Note 8, que traz como uma de suas novidades uma nova e promissora câmera traseira dupla.

São dois sensores de 12 MP, ambos com estabilizador ótico de imagem, sendo que um dos sensores possui um zoom ótico de 2x, e o outro é um sensor com grande angular.

É um conjunto promissor. Os novos sistemas de processamento de imagem e foco, Live Focus e Dual Capture, entregam ao usuário maior controle sobre a câmera, ampliando o leque de possibilidades.

O segundo sensor vai focar nos elementos que não conseguem ser capturados com o primeiro sensor. Na prática, o Galaxy Note 8 registra duas fotos ao mesmo tempo no lugar de uma.

 

 

Depois, as imagens são combinadas para entregar um resultado final mais apurado, com mais cor, detalhes e definição, além de maior profundidade de campo.

Ou seja, cada foto capturada terá uma imagem composta pelos resultados dos dois sensores. Esse método promete entregar fotos e vídeos melhores, principalmente pelo zoom ótico de 2x, que fará com que objetos se apresentem com uma aparência mais próxima, mas sem perda de qualidade na ampliação.

Mas além das capacidades de zoom ótico, a câmera principal do conjunto duplo do Galaxy Note 8 conta com abertura f/1.7 com tecnologia Dual Pixel, enquanto que o segundo sensor tem abertura f/2.4, recebendo o zoom ótico.

Porém, será uma lente que vai capturar imagens com melhor definição, mais detalhes de luz, sem arestas e desfoques.

Outro ponto que merece destaque é o sistema de estabilização ótica que cada câmera possui para que as fotos com baixa luminosidade não fiquem tremidas, ou para que as filmagens não fiquem tremidas.

 

 

Sem falar no modo Live Focus, que traz o efeito Bokeh ao Galaxy Note 8, permitindo desfocar o fundo de forma suave e artística. Focando apenas no essencial (rosto ou objeto principal), a foto entrega um elegante pano de fundo, controlando a intensidade desse efeito ao capturar a foto na hora do registro ou depois da imagem capturada, na galeria.

Logo, muitos usuários vão querer desfocar o fundo da imagem para que o objeto principal ganhe destaque, mas em alguns casos o fundo é igualmente importante.

Para isso, a Samsung desenvolveu o novo método de fotografia Dual Captura, onde as duas câmeras capturam uma imagem: uma com ampliação, e a outra com a grande angular. É o usuário que decide qual das fotos vai ser salva na galeria.

Falando agora das selfies, o Galaxy Note 8 comta com um sensor frontal de 8 MP (f/1.7) com foco automático.

A pergunta que fica é: será que o conjunto fotográfico do Galaxy Note 8 será capaz de suplantar os demais concorrentes do mercado?