Faz já um tempinho que arquitetos e cidadãos em geral sonham com o dia que nossas casas deixem de ser consumidoras natas de eletricidade, e se transformem em geradoras. Um bom passo para isso foi a criação dos painéis solares, que são de grande eficiência e, caso seja possível, alternativamente, a instalação de pequenas estações eólicas. Mas, nem todos os dias faz sol, e nem todos os dias temos vento para produção de energia. E é aí que a Panasonic e a Sanyo aparecem.

As duas companhias que recentemente se fundiram, pensam em ter pronto para o nao de 2011 um pacote acumulador capaz de armazenar a eletricidade necessária para manter o funcionamento de um lar (japonês, suponho eu) durante, pelo menos, uma semana, o que, sem dúvida, colocará o produto diante de um grande grupo eco-consumidor. Esta super bateria doméstica utilizará a tecnologia de ions de lítio, e vai incorporar algum tipo de interface para poder controlar o consumo elétrico a partir do próprio televisor. Não se fala nada sobre preço, mas supomos que uma instalação completa segue seguindo mais barata do que geradores de energia em miniatura.

Fonte