android

 

Não há solução para a crônica fragmentação do Android. A última versão (7.0 Nougat) não soma nem 1% do mercado, segundo os dados oficiais da Google.

Vale lembrar que o Android Nougat já tem 10 meses de mercado, ou seja, tempo de sobra para os fabricantes atualizarem seus dispositivos.

A única boa notícia é que a versão 2.2 Froyo sai das estatísticas, com menos de 0.1%. Do mais, o Android 6.0 não alcança nem um de cada três dispositivos (29,6%), enquanto que o Lollipop (5.0 e 5.1) lidera, com 33% de cota.

 

 

A Jelly Bean (4.1 a 4.3) se mantém acima dos 10% de cota, e ainda há muitos dispositivos com as versões Gingerbread e Ice Cream Sandwich.

A fragmentação do Android contrasta de forma gritante com o elevado nível de penetração do iOS. Mesmo com a Apple controlando a plataforma, a entrega das atualizações é muito mais rápida do que aquela que a Google faz com suas novas versões.

Menos mal que as ROMs personalizadas são uma opção alternativa para manter em dia os seus smartphones.

 

Via Google