Na última quinta-feira, 02 de dezembro, estivemos presentes na loja Fnac do Morumbi Shopping, à convite da própria Fnac, para fazer a cobertura do evento de lançamento do iPad no Brasil. Como todo evento desse tipo, tivemos uma certa badalação da imprensa, além de algumas celebridades especialmente convidadas para dar um ar especial às primeiras vendas do tablet na loja. Passamos aqui alguns registros do que encontramos por lá.

Bom, fila tinha, mas não era aquela fila que poderia se chamar de “é uma fila para um lançamento da Apple”. Na prática, tinha aproximadamente 50 pessoas esperando a loja abrir para adquirir seu iPad, o que achei muito pouco. Informações que recebi via Twitter davam conta que o movimento na Fast Shop era bem maior, e eu acredito, pela distância entre os dois shoppings, e até mesmo pelos objetivos traçados pelas duas lojas. Enquanto que o evento da Fnac teve um ar mais “de elite”, o evento da Fast Shop foi mais popular, buscando realmente fazer barulho com o volume de pessoas interessadas em conhecer o produto, e prestigiar a festa.

Estes acima eram os primeiros da fila. Como em todo evento Apple, os primeiros da fila são assediados pela imprensa, conhecem os gerentes da loja e executivos da empresa, enfim, recebem toda a badalação pela compra. Muito simpáticos e bem humorados, e diferentes do que normalmente encontramos nas primeiras posições de filas de vendas de produtos Apple (ou seja, os Apple Fan Boys estavam em posições menos privilegiadas da fila, porém, eles estavam lá, acredite).

Não demorou muito para que convidados e jornalistas pudessem adentrar a loja, para o evento fechado. Isso aconteceu 15 minutos antes da meia-noite, e lá, nos deparamos com algumas celebridades que estavam por lá para prestigiar o evento. E listaremos algumas dessas personalidades: Marco Luque (CQC) e Felipe Andreoli (CQC), pra começar.

Otávio Mesquita também deu o ar da graça.

Mas o destaque da noite era mesmo o iPad. Vários modelos espalhados pela loja, disponível para teste de forma irrestrita e ilimitada, onde todos poderiam testar o produto por vários minutos. Teve gente que contei no relógio, e ficou por mais de 40 minutos testando o produto, e resolveu levar uma unidade para casa. Quando isso acontece, podemos dizer sem medo de errar “objetivo alcançado”.

A frase acima é por conta da Apple, ok?

E enquanto os primeiros compradores pagam pelo seu iPad…

…alguns ilustres convidados trabalhavam, fazendo matérias para seus veículos de comunicação. De fato, alguns deles (como a Renata Fan, que vamos ver no vídeo no final do post) trabalharam mais do que curtiram a festa. Já outros fugiram do trabalho mesmo. Isso facilitou a vida daqueles que estavam cobrindo o evento, pois era fácil simplesmente virar de um lado e estabelecer contato com alguém que se gostaria de perguntar alguma coisa.

Enquanto isso, as pessoas presentes continuaram testando o produto livremente.

E, nessas idas e vindas, testando uma coisa ou outra, fui testar um MacBook, e eis o resultado ao tentar usar o Garage Band:

Exatamente isso que vocês estão vendo: produtos Apple também cometem “operações ilegais”. É, e o mito cai cada vez mais para os fanboys…

Uma coisa bacana para aqueles que estavam esperando na fila é que eles esperavam bebendo champanhe, o que cá pra nós é algo muito chique para quem vai comprar um iPad, não?

Outra coisa bacana que se descobre nesses eventos é que champanhe com chocolate é algo muito gostoso, pois um realça o sabor do outro. Porém, como não bebo, fiquei só no chocolate mesmo.

Como disse lá em cima, sempre tem aquela tradicional foto com executivos e gerentes da loja com o primeiro comprador, com a tradicional plaquinha de comprador #1, e todas aqueles procedimentos que vocês já estão acostumados.

E, quase que no apagar das luzes, Luciana Gimenez se faz presente no recinto. E surpreendentemente, foi muito simpática com todos os jornalistas presentes.

Enfim, agradeço ao convite feito pela Fnac para participar do lançamento do iPad no Brasil. Abaixo, um vídeo compilado com alguns momentos que registrei durante o evento.