Mais uma vez temos rumores que envolvem o Facebook e o lançamento do seu prórpio smartphone para 2013. Tudo bem, esse rumor ronda a internet desde 2010, e até agora, tudo o que vimos foi uma importante ênfase nos aplicativos móveis e algumas iniciativas de fabricantes, como o smartphone HTC ChaCha, que possui um botão do Facebook integrado. Mas agora, fontes do New York Times afirmam que o assunto é sério, uma vez que a rede de Mark Zuckerberg teria uma equipe de engenheiros trabalhando em seu primeiro smartphone com desenvolvimento próprio.

O projeto, denominado internamente como “Buffy”, seria a continuação dos investimentos anteriores do Facebook no mercado mobile. E mesmo sem lançar nenhum telefone de forma independente, a empresa está trabalhando no desenvolvimento de um dispositivo há muito tempo.

O problema, como é de se imaginar, é que criar um smartphone do zero custa menos que dizer como fazer, e o projeto foi iniciado e cancelado por diversas vezes quando a empresa encontrou os típicos obstáculos que todo fabricante/desenvolvedor de primeira viagem encontra. Para evitar novos tropeços a nova equipe de desenvolvimento contará com a presença de um antigo engenheiro de hardware da Apple, que tem a missão de desenvolver as entranhas do smartphone.

E por que esse interesse todo em arriscar milhões de dólares em um smartphone, com uma baixa margem de lucro e um grande risco de não dar certo? A resposta vem de um dos funcionários do Facebook, que falou para a fonte que a preocupação de Mark Zuckerberg é que, se o Facebook não criar um smartphone em curto prazo, sua empresa vai se transformar em apenas um aplicativo para as demais plataforma. O pensamento de Zuckerberg tem todo o sentido, uma vez que a empresa quer (e precisa) lucrar por outras frentes.

Mas vale lembrar uma coisa: quem muito abraça, pouco aperta. Que esse seja um risco bem calculado. Senão, a queda pode ser grande, e o fiasco, enorme.

Via New York Times