facebook_coci

O Facebook já possui restrições no uso de linguagem ameaçadora ou de ódio, e os críticos da rede social afirmam que eles não fazem o suficiente para impedir tais atitudes. Por isso, a empresa de Mark Zuckerbeg anunciou na Alemanha uma iniciativa que deve combater o extremismo, com a ajuda de organizações sem fins lucrativos.

Para conseguir diminuir ou eliminar o ódio na rede, o Facebook criou a “Iniciativa do Valor Civil Online” (Initiative for Civil Courage Online), que vem acompanhada de um fundo de um milhão de euros. Além disso, eles contrataram uma unidade específica para monitorar e eliminar artigos racistas na Alemanha.

A iniciativa começa na Alemanha por conta de uma investigação iniciada em novembro de 2015. Alegava-se que o Facebook pouco fazia para controlar o ódio em sua plataforma naquele país, e a chanceller alemã Angela Merkel pediu que a rede social se esforçasse um pouco mais para evitar esse tipo de publicações. Agora, em conjunto com o Ministério da Justiça e fundações sem fins lucrativos, eles identificação esses comentários extremistas, que serão eliminados imediatamente.

Certamente isso não será suficiente para combater todo o ódio nas redes sociais, mas é um bom começo. Também cabe aos usuários denunciar e não tolerar qualquer tipo de extremismo na internet.

Via Online Civil Courage Initiative