mark-zuckerberg-f8-fullbleed

O site Music Ally revela que o Facebook está trabalhando no seu próprio serviço de músicas por assinatura, tentando assim competir no mesmo nível que o Rdio, Spotify, Apple e outros.

Dessa forma, a rede social estaria centrada primeiro em desenvolver uma melhor solução para a visualização de vídeos (algo que estará disponível em poucos meses) com a importante incorporação dos vídeos musicais mediante acordos com as gravadoras, para depois estabelecer seus planos para o seu novo e promissor serviço de músicas.

Não é revelado como o Facebook poderia desenvolver a sua estratégia. Eles podem fazer o mesmo que fizeram com o Instagram e o WhatsApp, comprando diretamente um serviço já posicionado no mercado, no lugar de construir a sua plataforma do zero.

Também não sabemos quais os planos que podem ser oferecidos, ou se eles apostariam em uma oferta agressiva, combinada com uma boa integração com a rede social, ou se eles se inclinariam a entrar no negócio de forma direta, com planos e tarifas similares aos já existentes (não podemos descartar isso, baseado na popularidade que o Facebook possui hoje).

Será que ainda temos espaço para mais uma proposta no mundo do streaming?

Via Music Ally