ps-vita

O PS Vita não foi o sucesso que a Sony esperava, e isso fica ainda mais claro quando comparamos suas vendas com as do Nintendo 3DS e suas variantes. Mais uma prova disso? A Sony insinuar que não vai lançar um novo portátil.

Shuhei Yoshida, presidente da Sony Computer Entertainment Worldwide Sutdios, confirmou que o “clima” atual (ou cenário do geral do mercado) não é absolutamente favorável para um sucessor do PS Vita, já que os smartphones e tablets canibalizaram boa parte do setor.

Não devem faltar razões para a fala de Yoshida. Os games em dispositivos móveis estão hoje em um nível elevado, onde é possível encontrar títulos muito bons, e muitos deles de graça. Algo que devemos levar em consideração.

 

Por que a Nintendo não foi afetada?

O Nintendo 3DS foi uma aposta diferente em relação à Sony com o PS Vita. A grande N sobre jogar muito bem com suas cartas, apostando em um console menos potente mas mais barato, com tecnologia de gráficos em 3D. Isso, somado aos títulos exclusivos da Nintendo e ao trabalho que eles realizaram para lançar produtos cada vez mais baratos (como o Nintendo 2DS), resultaram em vendas de 78 milhões de unidades em todo o planeta, contra apenas 13 milhões do PS Vita.

Dito isso, podemos dizer que não será estranho ver a Sony se retirar do mercado de consoles portáteis.

Via NextPowerUP!