facebook-1

 

O site TWZ realizou um teste de 10 meses, que comprovou que o aplicativo do Facebook consome até 20% a mais de bateria, com um uso esporádico do aplicativo no iOS e Android.

O aplicativo não apenas afeta a duração da bateria, mas também o desempenho do dispositivo, por conta da má qualidade do seu desenvolvimento, uma vez que periodicamente ele escaneia o smartphone buscando informações para exibir publicidade orientada.

O mais curioso de tudo é que o Facebook não aparece entre os aplicativos do painel de gestão de energia no Android, mas sim nos que mostram elementos em segundo plano.

Uma solução para o problema é utilizar o Facebook pelo navegador de internet, que apesar de não estar totalmente otimizado para as plataformas móveis, ao menos amplia a autonomia de bateria do dispositivo.

É uma pena que os desenvolvedores não estão preocupados com a otimização do aplicativo, uma vez que sabem da dependência dos usuários desta rede social.