WP-8X-by-HTC-Limelight-Yellow-3views-580x462.jpg

É o que dizem. Diz o velho ditado: “nada dura para sempre”. Principalmente quando um dos seus fornecedores de sistema operacional móvel compra uma determinada fabricante de smartphones finlandesa. De qualquer forma, os rumores dessa vez chegam da Austrália, onde uma documentação suspeita aponta que a HTC não vai atualizar o seu smartphone HTC 8X com a versão GDR2 do Windows Phone 8, sendo esse um indício que a empresa estaria aos poucos abandonando a plataforma móvel da Microsoft.

O documento é de um comunicado da divisão australiana da operadora de telefonia móvel Vodafone, que informa que o fabricante não vai trabalhar na atualização do Windows Phone 8 no dispositivo. Tecnicamente, o HTC 8X possui um hardware bom o suficiente para receber a nova versão, porém, a HTC não esboça interesse em trabalhar no update.

htcfit-500x132

O comunicado diz (em tradução livre):

A HTC informa que eles não vão lançar esta atualização Qualquer futuro(s) update(s) serão anunciados tão logo tomemos conhecimento deles.

Vale lembrar que essa atualização do Windows Phone 8 está pronta a algum tempo, e disponível pela Microsoft para qualquer fabricante que se interessasse em trabalhar no software para atualizar os seus dispositivos. A Nokia já atualizou a maioria dos seus dispositivos ao redor do planeta com a nova firmware, e até o final do mês de setembro, eles pretendem alcançar os 100% de dispositivos atualizados.

Porém, isso agora não faz muita diferença. Afinal de contas, a Nokia é hoje uma empresa da Microsoft.

É difícil imaginar que a HTC vai deixar de atualizar um dispositivo que no ato do seu lançamento (final de 2012), o HTC 8X era considerado o “smartphone referência com Windows Phone 8” (isso, antes da Nokia aparecer com o seu arsenal de dispositivos Lumia – 920, 820, 720, 620 e 520). Tanto, que era chamado de “Windows Phone 8X by HTC”.

A HTC ainda não se pronunciou oficialmente sobre o assunto, ou seja, vale a pena esperar mais um pouco.

Por outro lado, o movimento da HTC em abandonar o Windows Phone não seria nenhuma surpresa. Isso já foi especulado antes mesmo da venda da Nokia para a Microsoft. Agora, com essa transação, tudo indica que a HTC e outras parceiras não se sintam tão motivadas a continuar com a gigante de Redmond.

Via WMPowerUser