650_1000_estar

Um dos diferenciais do Amazon Fire Phone é a inclusão de quatro câmeras adicionais nos seus cantos, que detectam onde estão os olhos do usuário, mudando assim o conteúdo da tela em função disso. Seguindo esse conceito, a empresa chinesa Shenzhen Takee Technology desenvolveu um smartphone com capacidades holográficas, dispensando completamente o toque na tela para a interação.

O vídeo de apresentação do produto (no final do post) mostra o suposto Estar Takee 1 em ação. Quando o usuário está consultando um catálogo de compras, poderá ver uma projeção 3D do produto, que pode ficar maior ou menor. O vídeo levanta dúvidas sobre a eficiência do sistema: ou eles inventaram um sistema revolucionário (pouco provável), ou simplesmente vamos interagir com a forma exibida dos objetos na tela, mas sem a projeção fora da tela.

Na nota de imprensa do lançamento do produto, eles colocam outro exemplo: um cubo de Rubik que o usuário pode girar com um movimento dos dedos no ar, como se o objeto estivesse em suas mãos. Isso não quer dizer que objetos vão sair do telefone, mas vamos esperar para ver o resultado final real do produto, e o quanto eles podem “enganar” os olhos do usuário.

A diferença desse sistema para o Fire Phone é que o smartphone da Amazon mostra o “2D tradicional”, enquanto que o Takee 1 optou pela “tecnologia holográfica”, oferecendo uma experiência 3D mais realística, além de uma interação com as imagens em três dimensões. Mas isso, na opinião da Estar, é claro.

O Estar Takee 1 pode ser reservado pelos mais curiosos, mas não possui preço anunciado, e sua comercialização só começa no dia 15 de agosto.

 

Via Digital Trends, Estar Takee 1