Tom Cruise se dedica de corpo e alma aos seus filmes. Não usa dublês em várias oportunidades, e acaba se lesionando em algumas cenas de risco. E, principalmente: ele corre em todos os seus filmes. E isso funciona nas bilheterias.

O Rotten Tomatoes aproveitou a estreia do filme Missão: Impossível – Efeito Fallout para cruzar e comparar os números da distância percorrida por Cruise correndo com as bilheterias desses filmes.

Em quase quatro décadas de carreira, Tom Cruise já percorreu aproximadamente 7.32 km correndo, e não estamos contando aqui possíveis cenas descartadas.

Nos filmes onde o ator corre mais de 1.000 pés contam com média muito boa no Rotten Tomatoes (71/100), acima do que o obtido nos filmes onde ele corre menos ou não corre. Isso se reflete na arrecadação média na bilheteria, que é de US$ 538 milhões nos filmes onde ele corre mais de 1.000 pés.

Outro detalhe interessante: as exigências físicas hoje são maiores do que quando Cruise iniciou a carreira na década de 1980.

Para obter os dados, o Rotten Tomatoes contou em segundos cada cena de Tom Cruise correndo, supondo que ele corre uma milha (1.6 km) a cada seis minutos, ou 14.6 pés por segundo.

Esta é a lista dos 10 filmes onde Tom Cruise corre mais, sem contar o recém estrado Missão: Impossível – Efeito Fallout:

Missão: Impossível 3: 979 metros.
Missão: Impossível – Protocolo Fantasma: 934 metros.
A Guerra dos Mundos: 534 metros.
Minority Report: 476 metros.
A Firma: 378 metros.
No Limite do Amanhã: 324 metros.
Jack Reacher: O Último Tiro: 320 metros.
A Múmia: 311 metros.
Missão: Impossível – Nação Secreta: 306 metros.
Vanilla Sky: 235 metros.

Lembrando que Tom Cruise tem 56 anos, e tudo indica que isso não vai impedir dele fazer novos filmes da franquia Missão: Impossível, a principal responsável para ele dar o máximo do seu físico nos cinemas.

 

 

 

Via Mashable