lavadora-bolhas-02

Lavadoras domésticas convencionais podem consumir entre 40 e 60 litros de água por lavagem. Alguns modelos de baixo consumo podem alcançar os 20 litros, mas ainda é o eletrodoméstico que mais consome água em uma residência. Pois bem, a máquina de lavar desse post consome apenas um copo de água, deixando a roupa limpa graças à ação de bolhinhas de plástico reutilizáveis.

A lavadora Xerox é obra de Stephen Burkinshaw, professor de química têxtil na Universidade de Leeds. Burkinshaw explica que as lavadoras convencionais se baseiam na fricção mecânica, a ação do sabão e a temperatura para eliminar as manchas e o mau cheiro. Nesta equação, a água é só o meio que serve para levar as partículas de sabão em suspensão, além de dissolver e eliminar a sujeira.

A ideia da Xerox é substituir grande parte dessa água por bolhinhas de um polímero hidrófobo, que raspam a sujeira e levam ela consigo. A ação dessas partículas de plástico combinadas com o sabão e com apenas um copo de água elimina com maior eficiência as manhas, sem necessidade de temperaturas tão altas. No final da lavagem, um depósito recolhe as bolhas, e elimina o resto do sabão, água e sujeira.

As bolhinhas podem ser reutilizadas durante seis meses (o equivalente a 100 lavadas) antes de ter que substituí-las. O sistema também permite uma economia de 47% de eletricidade e 72% de água diante das lavadoras de menor consumo no mercado hoje. Detalhe: as lavadoras Xerox não são um protótipo. Alguns estabelecimentos de lavanderia e hotéis da cadeia Hyatt já a utilizam.

O objetivo de Burkinshaw é levar essas lavadoras para o mercado doméstico em alguns anos.

 

Via Xeros CleaningInhabitat