mk2snwO4RDsfw4Nb

O iFixit de novo faz o trabalho sujo de desmontar dispositivos de tecnologia muitos cobiçados. Mostrou as entranhas do MacBook Pro com Force Touch e do MacBook Air 2015, mas ainda restava abrir e desmontar o novo MacBook (2015).

Bom, essa desmontagem é, na prática, algo bem relativo, pois o portátil ultrafino da Apple parece ter sido pensado para tornar essa tarefa algo impossível. A sua bateria central está colada, e a famosa porta USB-C se encontra enterrada em baixo de outros componentes. A RAM, o processador e a unidade de armazenamento estão soldados na pequena placa-mãe.

hXIAAcSVGgWA2jlX

A conclusão que se chega é que o melhor é que você nem se aventure a tentar consertar por conta própria o novo MacBook em caso de problemas. A nota do iFixit sobre o nível de dificuldade de reparo é um contundente 1 em 10 (quanto mais alta a pontuação, mais fácil o produto é de ser consertado).

E sempre convidamos você a conferir o processo completo de desmontagem do iFixit. No caso do novo MacBook, basta clicar nesse link.

O5qYbWSJKkqrV4Ub