galaxy-note-7-que-explodiu

 

O mistério só aumenta. Nem todos os casos de explosões e incêndios do Galaxy Note 7 podem ser dados como certos, e agora a Samsung confirma que, apesar de todos os esforços, ainda não encontraram uma resposta para os acidentes, uma vez que seus engenheiros não conseguem reproduzir as explosões espontâneas ocorridos com aparelhos de diversos clientes ao redor do planeta.

Soma-se à isso a informação de fontes tão confiáveis como Park Chul-wan, ex-diretor do Center for Advanced Batteries at the Kore Electronics Technology Institute, que depois de ver documentos reguladores prévios disse que acredita que as baterias não contam com problemas.

É interessante que centenas de profissionais não conseguiram reproduzir em testes uma falha que, na teoria, acontecer com tanta facilidade e frequência, obrigando a Samsung a cortar o mal pela raiz. E esse cenário já levanta teorias conspiratórias.

As teorias garantem que tudo isso pode ser um plano de boicote ao Galaxy Note 7, um smartphone que estava destinado a dominar o mercado, mas que se tornou uma grande frustração para a Samsung e seus consumidores.

 

Via The New York Times