donald trump

 

Donald Trump, candidato do Partido Republicano à presidência dos Estados Unidos, vai perder. Isso é fato. A ponto de deixar no ar se vai aceitar a derrota, dando a entender que as eleições norte-americanas estavam fraudadas ou adulteradas.

Porém, Trump não é perfeito (sério que precisou a gente te dizer isso para você perceber?).

O investigador de segurança Kevin Beaumont, descobriu que os servidores de e-mails do TrumpOrg.com (da Trump Organization) utilizam um software obsoleto, executando o Windows Server 2003 e o servidor web integrado no Internet Information Server 6.

Há mais de um ano que a Microsoft encerrou o suporte para os dois sistemas, que ficam sem correções e estão em uma configuração obsoleta e insegura. Beaumont obteve os dados em registros públicos, em mail.trumporg.com, executando em conjunto as teclas Ctrl + Shift + I no navegador Chrome.

 

 

Ironia do destino

 

O que tudo isso tem a ver com as eleições norte-americanas?

Ironicamente, o fato de Hillary Clinton utilizar um servidor de e-mail privado para assuntos relativos ao posto de secretária de estado foi um dos temas mais batidos por Trump em sua campanha, que chegou a ameaçar processá-la e prendê-la por isso se for eleito.

É fato que  o que Hillary fez é algo sério. Mas parece que Donald Trump não é a pessoa mais adequada para falar sobre o assunto. Ainda mais com tecnologia obsoleta gerenciando seu império.

 

Via ArsTechnica