cisco-crecimiento_móvil

A Cisco publicou a versão atualizado do seu estudo Visual Networking Index, onde eles analisam a situação das redes móveis, oferecendo dados atualizados e previsões interessantes sobre as tendências dos próximos cinco anos (período 2014-2019).

De acordo com suas estimativas, de 4.3 bilhões de usuários móveis atuais passaremos para 5.2 bilhões em 2019, com 11.5 bilhões de dispositivos conectados, contra ‘apenas’ 4 bilhões em 2014. Todos esses usuários vão aumentar substancialmente o tráfego das redes móveis.

A Cisco estima que dos 30 exabytes consumidos em 2014 passaremos para 292 exabytes em 2019. A maior parte desse aumento provém dos países em desenvolvimento da América do Sul, China e Europa do Leste, muito por conta dos vídeos em streaming.

Felizmente, as velocidades medias de conexão móvel devem subir. Passaremos de 1.7 Mbps da média global atual para 4 Mbps em 2019, número que pode não parecer muito, mas que está lastrada pelo uso massivo do 3G nos novos países, e pelo uso do WiFi como sistema de download das redes das operadoras.

ciscoglobalgrowth

Importante também será o crescimento do número de dispositivos ‘wearables’ conectados, que passaram dos dois milhões atuais para mais de 42 milhões em cinco anos. As previsões indicam que o número de usuários vai aumentar, assim como o consumo de dados e velocidades, ainda que será necessário um descenso do preço das tarifas móveis, que não estão a altura das necessidades da maioria dos consumidores.

ciscohowmuchdata

Mas também deve aumentar a quantidade mensal de dados que as operadoras oferecem. Por exemplo, na Europa, a Cisco estima que um usuário médio vai precisar de aproximadamente 6 GB mensais para satisfazer as suas necessidades básicas.

Via Cisco