dropbox-down

Existem algumas coisas nessa vida que é melhor serem anunciadas com o passar do tempo, principalmente quando se trata de algo com tantas implicações para os usuários. Estou falando do Dropbox, que sofreu na última noite/madrugada um inesperado “apagão”, onde os usuários não podiam nem acessar os seus documentos na nuvem, nem sincronizar os dispositivos conectados (aliás, no exato momento que esse post é produzido, isso ainda não é possível, pelo menos para mim).

Como é uma reação natural dos seres humanos em momentos de crise, o pânico foi instaurado. O Twitter foi inundado por mensagens especulativas, ainda mais pelo fato que nenhuma resposta oficial era dada por parte da empresa. Muitos temiam o pior: a perda de todos os dados pessoais armazenados ao longo desse tempo todo. Um cenário simplesmente catastrófico, principalmente pelo fato do Dropbox recentemente ter adotado o sistema de verificação dupla (algo que, depois dessa, recomendo que você ative o quanto antes). Se o problema fosse causado por consequências de um ataque hacker, as consequências poderiam ser simplesmente devastadoras.

Aí é que está. Estamos na internet, uma terra fértil de malucos, desocupados e, principalmente, oportunistas.

O Anonymous Korea e o 1775 Sec (sim, os dois ao mesmo tempo) reivindicaram um suposto ataque ao Dropbox, que teria derrubado o serviço. Nesse ponto, o pessoal do Dropbox finalmente veio a público para se pronunciar sobre o assunto, afirmando que o apagão na verdade era “apenas uma manutenção de rotina”, de caráter interno, e que nenhuma ação externa comprometeu a segurança do serviço.

Segundo alguns sites internacionais, o Dropbox está voltando aos poucos e gradativamente para os usuários de todo o planeta. Ou seja, se não voltou para você, recomendo que tenha um pouco de paciência, respire um pouco mais aliviado (para isso, terá que confiar nas informações divulgadas pelo próprio Dropbox), e faça o procedimento de segurança de dois passos o quanto antes possível.

Afinal… vai que…

Via TechCrunch, Dropbox, Anonymous Korea, 1775 Sec