telefones móveis

 

O primeiro celular chegou ao mercado há muito tempo, e desde então o segmento só cresceu e melhorou. Porém, na lista dos 20 telefones móveis mais vendidos da história, vemos que os primeiros dispositivos são os mais vendidos, e nenhum dos novos smartphones consegue superá-los nas vendas.

A Nokia domina amplamente a lista dos mais vendidas, e surpreende o fato da lista ter apenas dois smartphones com Android (ambos da Samsung) e três iPhones.

 

 

Estes são os telefones móveis mais vendidos da história

 

Muitos dos citados nas primeiras posições já foram de propriedade de muita gente, e isso não deve mudar, já que a concorrência no setor é cada vez maior, e é praticamente impossível um dispositivo hoje vender mais de 150 milhões de unidades.
1. Nokia 1100 – más de 250 milhões de unidades
2. Nokia 1110 – más de 250 milhões de unidades
3. Nokia 3210 – más de 150 milhões de unidades
4. Nokia 1200 – más de 150 milhões de unidades
5. Nokia 5800 – más de 150 milhões de unidades
6. Nokia 6600 – más de 150 milhões de unidades
7. Samsung E1100 – más de 150 milhões de unidades
8. Nokia 2600 – más de 135 milhões de unidades
9. Nokia 1600 – más de 130 milhões de unidades
10. Motorola RAZR V3 – más de 130 milhões de unidades
11. Nokia 3310 – más de 126 milhões de unidades
12. Nokia 1208 – más de 100 milhões de unidades
13. iPhone 6s – más de 100 milhões de unidades
14. Samsung Galaxy S4 – más de 80 milhões de unidades
15. Nokia 6010 – más de 75 milhões de unidades
16. iPhone 5 – más de 70 milhões de unidades
17. Nokia 5130 – más de 65 milhões de unidades
18. iPhone 4s – más de 60 milhões de unidades
19. Motorla StacTac – más de 60 milhões de unidades
20. Samsung Galaxy S3 – más de 60 milhões de unidades

 

 

Que fim levou a Nokia?

 

 

12 celulares da lista são da Nokia, empresa quase residual no mercado atual.

Muitos tiveram como primeiro celular um telefone da Nokia, e em um passado não muito distante, só poderíamos escolher dispositivos da Nokia e de outras poucas empresas que cabiam nos dedos de uma mão. E as vendas do Nokia 1100 ou do Nokia 3210 são realmente históricas.

Hoje, a Nokia, que foi adquirida pela Microsoft e teve seus direitos de marca cedidos para a HMD Global, tenta voltar ao mercado com novos dispositivos. A próxima MWC 2017 deve receber novos dispositivos com a marca, que podem chamar a atenção dos antigos fãs.

 

 

Samsung, Apple e a difícil missão de chegar ao Top 10 de telefones mais vendidos da história

 

 

Hoje, o mercado de telefonia móvel é dominado por Samsung e Apple, que são seguidas cada vez mais de perto por Xiaomi e Huawei.

A concorrência atual é que torna inviável que um smartphone supere o topo da lista dos telefones mais vendidos da história. Na lista do Top 20, apenas cinco dispositivos da Samsung e/ou da Apple estão na lista dominada pela Nokia.

É utópico dizer que um smartphone possa uma força de mercado descomunal para tomar a primeira posição do Nokia 1100.

A única coisa que mudou é que, no passado, a Nokia não tinha qualquer rival, vendendo milhões, mas sem obter um grande lucro como hoje conseguem Apple ou Samsung, apesar de vender um número bem menor de smartphones.

Este é um dos motivos pelos quais Apple e Samsung sejam hoje as duas mais importantes do mercado, com lucros muito elevados.

 

 

Ainda é possível comprar alguns desses celulares

 

Os mais nostálgicos ainda podem comprar esses celulares lá fora na Amazon, mas com preços bem elevados.

Outra alternativa é recorrer ao mercado de segunda mão, mas em alguns casos os preços não são tão atraentes, além da espera de várias semanas para a entrega e a incerteza de que o produto chegará em boas condições.

 

E você? Dos modelos da lista do Top 20, quantos você teve?

 

Por incrível que pareça… eu tive 13 dos modelos listados!