650_1000_blu-ray-disc

A Blu-ray Disc Association está finalizando as especificações para o início da comercialização do Blu-ray UHD, com a previsão para que no final de 2015 os primeiros discos físicos nesse formato cheguem ao mercado.

Os novos players Blu-ray UHD serão compatíveis com os discos de Blu-ray e Blu-ray 3D (não se fala ainda sobre o UHD 3D), ou seja, vai suportar tanto o tradicional codec de conversão H.264 como o novo H.265, ou HEVC (High Efficiency Video Codec). Os discos poderão chegar em versões de 66 GB (dupla face) e 100 GB (tripla face), com taxas de 108 mbps para o primeiro formato, e 128 mbps para o segundo grupo.

Tais capacidades permitem obter uma qualidade de áudio e vídeo difíceis de alcançar via streaming. Entre as vantagens claras temos o suporte do padrão de cores BT-2020, que permite mostrar 3/4 partes do espectro de cores visíveis. O padrão rec709 usado hoje suporta 30% desse espectro, e o novo formato entrega cores mais vivas. É claro, isso será possível se sua TV suportar tal formato.

O segundo ponto a seu favor é o alto contraste dinâmico (HDR), que melhora a qualidade das imagens que combinam áreas claras e escuras. Por fim, a alta taxa de fotogramas vai permitir alcançar os 60 fotogramas por segundo, permitindo a reprodução dos futuros filmes que contam com essa taxa (a continuação de Avatar, por exemplo), além de poder contar com o modo 48 fps, presente em O Hobbit.

Via Audioholics