650_1000_blu-ray-disc

Um grupo de pesquisadores da Universidade de Nortwestern em Illinois (EUA) desenvolveram um sistema que permite melhorar a eficiência dos painéis solares com a ajuda de discos de Blu-ray.

Depois de analisar a estrutura de um desses discos, eles descobriram que o padrão das faixas que se codificam os dados é muito útil para melhorar a coleta de energia solar. De fato, eles descobriram que as ilhas e os ‘pits’ desses discos contam com uma longitude que vão de 150 a 525 nm. Com isso, os investigadores utilizaram os discos para fabricar um molder que foi estampado nos painéis solares, dotando do mesmo padrão da nanoestrutura presente nos discos originais.

Resultado: painéis 12% mais eficientes do que aqueles utilizados em uma superfície normal.

Ainda que os discos de Blu-ray fiquem distantes de serem considerados recicláveis para esse propósito, o avanço pode ter um claro impacto no futuro das tecnologias aplicadas na coleta de energia solar.

Via Gizmodo