iphone-5s-02

Uma coisa que muita gente quer saber a cada lançamento de um novo smartphone da Apple é: qual é o seu custo de fabricação? A empresa norte-americana IHS realizou uma análise sobre os dois modelos, revelando quando custa para fabricar cada unidade do dispositivo, até mesmo para saber qual é a margem de lucro médio que a empresa de Cupertino tem por unidade vendida. Lembrando: estes são números estimados, e não são dados oficiais.

Segundo a IHS, a Apple gasta US$ 191 nos componentes necessários para fabricar um iPhone 5s de 16 GB, e até US$ 210, para a fabricação do mesmo smartphone, no modelo de 64 GB. Além disso, é preciso adicionar um custo de montagem médio de US$ 8 por unidade, o que posicionaria os valores para US$ 199 até US$ 218, respectivamente.

Os preços do iPhone 5s sem contrato com as operadoras oscila entre US$ 649 e US$ 849, de acordo com a quantidade de memória de armazenamento. No final das contas, os valores de fabricação do novo smartphone top de linha da Apple são muito parecidos com os custos de montagem do iPhone 5, que segundo a mesma IHS, seria de US$ 205 (de acordo com os dados coletados no ano passado).

iphone-5c-hero

Já no caso do iPhone 5c, a IHS afirma que os componentes do smartphone geram um custo que varia entre US$ 173 e US$ 183, além de US$ 7 adicionais para a montagem do produto. Para o consumidor, o iPhone 5c está disponível por valores entre US$ 549 e US$ 649, ambos sem contrato de permanência.

Um dos analistas da IHS, Andrew Rassweiler, comenta sobre as diferenças que existem entre os dois smartphones, e explica que os eles são praticamente o mesmo smartphone, excelto pelo sensor Touch ID, o processador A7 e os novos chips que consomem menos bateria. Além disso, os dois dispositivos utilizam a mesma câmera, são visualmente parecidos, e utilizam os mesmos tipos de chips de memória.

A mudança mais significativa entre o iPhone 5 e o iPhone 5s (e a mais relevante diferença deste modelo novo para o iPhone 5c) é a presença do processador A7, que oferece o dobro da velocidade do chip anterior, passando de um funcionamento com 32 bits para trabalhar a 64 bits. Rassweiler destaca também a atenção que a Apple colocou dessa vez nos chips de frequência de banda, superando em muito a concorrência.

Via Time.com