Não faz muito tempo que Bill Gates levantou um sério debate quando manifestou publicamente que os robôs deveriam ser obrigados a pagar impostos. Curiosamente, parece que alguém no governo da Coreia do Sul prestou atenção nisso, e decidiu colocar a teoria em prática.

As autoridades daquele país lançaram uma iniciativa, onde as empresas que estimularem o uso de robôs no lugar de contratar humanos serão obrigados a pagar mais impostos, de forma indireta.

O projeto do governo da Coreia do Sul busca reduzir os lucros de dedução fiscal para o investimento em automação, algo que foi introduzido originalmente para aumentar a produtividade. Agora, quem tiver robôs nas fábricas não poderá mais deduzir seus impostos.

 

 

A proposta poderá entrar em vigor no final de 2017, quando vence a atual legislação tributária do país. Se aprovada, representaria o primeiro antecedente global de uma mudança na legislação de obrigações fiscais por causa da operação de robôs.

O temor de que as máquinas autônomas possam substituir os humanos em diversos setores da indústria é real e latente, e tais medidas são um sintoma dessa tendência, que se projeta a nível global e de forma cada vez mais inevitável.

 

Via Korea Times, Telegraph